RSS

Insanamente…

29 maio

Saudades II

 

Fonte de alegria e de martírio

Eu que tudo fiz por merecê-lo

Louco sonho de amor e de delírio

Dei mais que a vida, dei a alma por querê-lo.

 

Por quem vivo de amor, morto padeço!

Pois, quanto mais te perco, mais te quero,

E mesmo em meio a tudo que acho incerto

Vislumbro o céu no inverno que mereço.

 

Se este é o quinhão, o alto preço,

Que devo amor por tanto deseja-lo

Não há como fugir, hei de pagá-lo,

 

Ardendo em brasas viva de saudade

Beirando dia-a-dia a insanidade

Sem receber de ti o que ofereço.

 

Lu Marinho

Anúncios
 

4 Respostas para “Insanamente…

  1. Jettro7

    29 de maio de 2014 at 9:07 PM

    Você está escrevendo a cada dia INSANAMENTE melhor!!! rsrs
    Parabéns Luciene!!!

     
    • Luciene Marinho

      30 de maio de 2014 at 2:28 PM

      Bondade sua Emmanoel…rsrs Obrigada! =D

       
      • Jettro7

        30 de maio de 2014 at 3:05 PM

        Como anda o processo de produção do livro? rs

         
  2. Rancho das Crônicas!

    26 de maio de 2015 at 1:13 AM

    Amores contraditórios. Amores que procuram portos. Amores que fazem doer a alma. Amores que não recebem o que oferecem… Viver amando é assim mesmo. Uma insanidade.

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: