RSS

Arquivo mensal: novembro 2013

Coração

 

porque-e-tao-dificil-me-amar1

Perverso coração que não me escuta

Dia a dia faz pesada a minha luta

Insistindo em mudar o que não muda.

 

Insensato coração teimoso

Já cansado de voar sem achar pouso,

Ouça um antigo provérbio que aprendi em casa:

Formiga quando quer se perder cria asas…

E você já não conhece mais o chão!

 

Lu Marinho

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 18 de novembro de 2013 em #DESTAQUE, ↑ REFLEXÃO ↓, ♥ POESIAS ♥

 

Limbo…

Recusaste as rosas que te ofertei

Receando os espinhos e bem mais… as raízes…

Deixaste que o deserto do silêncio consumisse

Qualquer botão ou flor que tentasse  brotar

E assim nem sombra de raiz surgisse,

Terra infértil onde amor não dá…

Plantei roseiras lindas, coloridas…

Nasceram cardos da cor mais triste que há,

De angustia e dor nasceram todos cinza

Como céu de chuva sem nuvens no ar…

Assim equilibro-me no limbo da vida

Aonde o amor não pôde germinar

Aonde se perde a veia de esperança,

Aonde apaga-se o brilho do olhar,

Aonde a dor é apenas uma criança

Com vasta sede de crescer e de brincar…

E brinca, com as nossas lembranças

Molhando o riso, turvando o olhar,

Matando qualquer fio de esperança

Que porventura queira me agarrar…

 

Por Lu Marinho

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de novembro de 2013 em #DESTAQUE, ♥ POESIAS ♥