RSS

A saber do amor

09 jun

images

Vejo bem claro, já esperava este desfecho.

Então, por que aumentando vou esse tormento?

Pois sei que escrevendo na areia, apaga o vento

E que brilho do sol a noite peço…

 

Que louco sou, já provei, já conheço,

Esse doce amargo que me tece lamentos

Meu bem e meu mal no mesmo intento

Mas, aspirando ao céu em teus braços esqueço.

 

Tentando encontrar flores no outono

Na escuridão da noite, luz do sol e claridade.

Na fúria da insônia tranquilo sono

 

Busco no avesso da mentira uma verdade

E o ansiado bem no mal insano

Procurando amor em vossa crueldade.

 

Lu Marinho

 

Anúncios
 
1 comentário

Publicado por em 9 de junho de 2013 em #DESTAQUE, ♥ POESIAS ♥

 

Tags: ,

Uma resposta para “A saber do amor

  1. Antonio Cruz

    30 de julho de 2013 at 1:53 AM

    Caminho longo já andei
    Por tantos caminhos passei
    Destes caminhos muitas histórias já contei
    Tantas mulheres encontrei
    Tantos momentos delas guardei
    Mas logo decepcionado fiquei
    Na maioria eram encéfalas notei
    Tu a todas sobrepujas
    Não somente soma, és também psuchê
    Que a saudade te conserve poetisa
    Mergulha na imensidão do pensamento
    Extrai dele bons momentos
    Tenhas à mão tinta e papel
    Registra tudo e compartilha
    Divide com quem não vive no mundo dos sonhos
    O mundo está carente de ti
    AC

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: