RSS

Arquivo mensal: junho 2012

Teu amor me transborda!

Você me transborda!

Passei a vida procurando alguém que me completasse que me fizesse sentir que vale apena amar, sonhar,existir… mas a vida e seus dissabores quase me fizeram desistir… já um tanto machucado e cansado dos desmandos desse sentimento que já tinha batizado de insano, me recolhi… abandonei alguns sonhos, desfiz-me de certas expectativas, guardei meu coração… Desisti da espera e da procura… Já me sentindo confortável como senhor e dono de mim… sozinho, sem me sentir solitário, satisfeito em estar em minha própria companhia, enxergando a vida com os olhos da razão pura e prática, saboreando a liberdade de não querer saber mais as respostas das perguntas insolúveis  que amargava… estava numa zona de conforto, seguro de meus passos, dono da minha vontade, senhor do meu querer… até me surgir você! Que até parece ter saído da minha fantasia, dos meus devaneios, das minhas utopias… tal perfeição existir não podia!

E me vira do avesso com esse olhar e sorriso travesso e esse jeito de quem sabe tudo… e como sabe, sabe me tirar o chão, as horas, a razão… Sabe me deixar mudo… Confuso, abstruso… Nem tive tempo de me esconder, quando pensei fugir, já estava preso em você… experimentando um novo mundo…  um novo anglo do amor… tem não apenas me completado, mais me transbordado de carinho, de ternura e atenção…  com seu jeito sereno cheio de afeição, tem se infiltrado de mansinho dentro do meu coração… e eu que já nem sonhava mais viver tão grande emoção, sinto-me perdido como um adolescente descobrindo a paixão…

Por Lu Marinho

 
2 Comentários

Publicado por em 29 de junho de 2012 em #DESTAQUE

 

Amor, não se explica…

Amor, não se explica…

Os caminhos do amor quem poderá deter? Ele chega de mansinho em nosso peito faz ninho sem pedir permissão, se acomoda e se alastra, doma o ser e a razão, faz o que quer do meu querer, me faz enxergar só você, domina inteiro o coração… Quando se ama, não se ama com a razão, não se encontra explicação nem sentido, é tudo novo, desmedido, permitido… mesmo que não sejas mais menino, mesmo que o amor seja um velho conhecido, mesmo que tenhas sofrido e dele tenhas fugido a vida inteira, ele encontrará o caminho e a maneira que te fará por completo perder as estribeiras… O amor não trás manual de instrução, não tem assistência técnica, nem garantias… Não se pode ver, nem apalpar, mas te vira do avesso, desnorteia tua vida… Faz-te perder o chão, esquecer a razão, cicatrizar velhas feridas… O amor, ah! O amor… Quem pode explicar-te? Dominar-te? Evitar-te? E se pudesse quem o faria?

Por Lu Marinho

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26 de junho de 2012 em #DESTAQUE, ♥ POESIAS ♥

 

Você me faz tão bem…

Você me faz Tão bem…

 

De tudo(…)

o que mais quero neste instante

é me perder inteiro neste teu sorriso

que me atrai qual ímã inebriante

que mais parece um convite ao paraíso…

Em teu abraço quero me enroscar

e me largar completamente esquecido…

A tua linda voz… feita pra sonhar…

é a canção perfeita… a melodia que preciso… 

Nem sei mais se apenas quero ou se preciso

mergulhar nestes teus olhos tão profundos…

que me aprisionam e assim sem perceber

conduz-me a outra dimensão em um segundo…  

fazendo sossegar  meu cansado coração

e esquecer que lá fora existe mundo…

 

 Por Lu Marinho

 
Deixe um comentário

Publicado por em 21 de junho de 2012 em #DESTAQUE, ♥ POESIAS ♥

 

Coisas da vida…

Coisas da vida…

 

A vida é uma irônica peça

traçamos planos, focamos metas

que ela desfaz em segundos…

Nesse grande teatro precisamos aprender

que nada sabemos, que somos apenas alunos,

e que professor de verdade,

como diz os mais antigos… é o mundo…

 

Colhi onde não plantei…

Sorri do que já chorei…

Meu pensamento já foi de quem me esqueceu

na hora em que mais precisei…

Já fui mão estendida, colo, abrigo,carinho, cura, conforto…

e quando pensei ser recíproco…

Calma… para aí…

Entendi tudo torto!

Por Lu Marinho

 
Deixe um comentário

Publicado por em 20 de junho de 2012 em #DESTAQUE

 

Teu beijo, Pura magia…

Teu beijo, Pura magia…

 

Como descrever o pensamento

Que percorre vastos caminhos insondáveis

Que me invadem como pés de ventos

Com seus desejos, sensações indecifráveis…

 

Como nomear o impalpável

E definir o que a razão não analisa

É como traduzir o enigmático

Sorriso tímido da bela monalisa…

 

Porém achei respostas pra esse guizo

De alegria que baila em minha boca

E este brilho que se espalha em meu sorriso…

 

E as emoções que tumultuam e deixa louca

Esta lua solitária e desejante que só encontra sentido

No momento e instante em que habita o céu da tua boca.

 

Por Lu Marinho

 
Deixe um comentário

Publicado por em 15 de junho de 2012 em #DESTAQUE, ♥ POESIAS ♥

 

Sem Palavras

Sem palavras

 

Fugiram-me as palavras, quando tentei explicar

Essa coisa que me invade, rouba minha paz, meu ar

Faz-me padecer de insônia, pelos cantos suspirar…

Que mal será esse meu Deus, que nome poderia dar?

 

As horas passam sem graça enquanto tento achar

As palavras que assim possam isso tudo elucidar,

Palavras que descrevem tudo, onde as posso encontrar?

Se o dicionário ficou mudo e nada mais pode falar…

 

Com o dicionário calado e o vocabulário indeciso

Como poderei explicar o que se passa comigo?

Sumiram todas as palavras parece até um castigo…

 

E sem as palavras adequadas pra definir o que sinto

Sou como bala perdida sem alvo e sem destino

Completamente embaralhado, totalmente em desatino…

 

Por Lu Marinho

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de junho de 2012 em #DESTAQUE, ♥ POESIAS ♥